5 de dezembro de 2007

Verdades

Abaixa o tom, não faze tempestade em copo d'água. Reclamas que as minhas verdades são muito duras, que ferem os teus sentimentos.. Tarde assim? E eu que as guardei por anos em silêncio? Respeito. Cala-te.


-


Ps: Desculpem a ausência.. Não estou completamente presente, mas estou de volta.

15 comentários:

Leonardo disse...

\o !!!!
Verdades verdades... Será que precisamos realmente guardálas?
Mais creio q não.
Beijos e Beijos.

Anônimo disse...

Ainda bem que você voltou. =]

Eu acho que entendi perfeitamente esse teu texto. Aliás, entendo bem como é não estar completamente presente, mas aqui.

Continue escrevendo. ^^

Ah, você tem orkut?

Beijos

Beatriiiz disse...

Tenho essa mesma discussão todo santo dia na frente do espelho.

Muito legaal o blog ;)

Luna disse...

pelo jeito já começastes a fazer
a tua limpeza.

diga as tuas verdades,
mesmo que cause dor no outro,
porque se guardá-las
vão doê-las em tí.

flores um sorriso e um beijo

Mayara disse...

me ví no seu texto!

eu tmb estava sentindo a sua falta...
vê se não some menina!

bju!

Fê Probst disse...

"respeito é bom e eu gosto"

Anônimo disse...

Nâo some de novo!! =]

Lais Mouriê disse...

Alguns não sabem ouvir verdades. Falam o tempo todo para evitar ouvir o que não querem.

Bjos

Juliana Fernandes disse...

ahhh c tá brincando? rsrsrs Realmente tem gente q não sabe o q tem na mão, depois dizem q Deus não dá asa á cobra....tá vendo..rsrsrsr
Eu querendo um livro desse e alguém disperdiçando! Fazer o q? O q será q ela vai fazer com o livro?
Aposto com vc q ela vai dar á uma criança (tsss) ou então vai servir d depósito d poeira, Alice deve estar revirando os olhos.rsrsr

Lunna Montez'zinny disse...

A presença que se ausenta nas entrelinhas e diz algo como se fosse prece e pede-nos que espera.
Sua paisagem me remete a espera e eu o faço. Recém descoberta, que posso eu se não esperar?
Abraços na madrugada silenciosa...

Ps. Dizem por aí que já é quase natal.

Lua Durand disse...

que bom que voltou, também voltei.

=)

O Profeta disse...

Para ti que me visitaste
Ao longo destes poucos meses
Ofereço-te uma prenda singela
Uma estrela de mil cores

Roubei-a ao firmamento
Deposito-a na tua mão
Para que neste Natal
Te ilumine o coração

Um Santo e Mágico Natal


Doce beijo

Lêhh! ;* disse...

Impossivel não ser sua fã *-*
Obg por voltar! ;*

Lêhh! ;* disse...

Ah, e éh Boys Like Girls sim :D
gostah? /o

Anônimo disse...

Oi Palomila,

Antes verdades duras do que viver entre mentiras. Talvez a forma de falar ajude a não ferir os sentimentos. Que esse conflito se resolva em 2008.

*Gostaria muito que você me fizesse uma visita hoje! Passa para comer um bolinho no aniversário do LIS’UPGRADE. Ah e saudades de você no meu blog!

Festinha!

\o/

Feliz Ano Novo!